Pergunte ao Gringo #Perguntas sem o “do”

Olá, hello!

How are you? Como você está?

Hoje é dia de eu responder aqui no blog mais uma dúvida que recebi de uma seguidora, e dessa vez foi de um assunto bem interessante.

Ele é muito importante e entra até mesmo dentro da categoria de inglês básico. Porém, não são muitas pessoas que me perguntam sobre esse assunto, por mais que ele seja extremamente importante.

Então, para você saber melhor do que eu estou falando, dá uma olhada na pergunta que recebi da Moane Gregório.

“Fala sobre tempo verbal no interrogativo, de maneira geral? Tenho dificuldade. Um exemplo: How much is…? é uma pergunta e não vai o Do.”

Como você pode ver, por mais que ela perguntou sobre as perguntas em inglês, ela questionou sobre a questão de existir perguntas sem o verbo auxiliar “do”. Sendo assim, vou começar nossa conversa de hoje por essa questão…

O que é um verbo auxiliar?

Então, antes de falarmos sobre o uso do verbo auxiliar (ou não) nas perguntas em inglês, quero te fazer uma pergunta: você sabe o que são os verbos auxiliares?

É na verdade uma locução verbal, formada por dois verbos. Um deles é o principal e outro o auxiliar, como o próprio nome já diz. Sendo assim, o verbo auxiliar ajuda o verbo principal a passar a mensagem que ele precisa passar.

Os principais verbos auxiliares são o “to be”, “do” e “have”. E eles são muito usados no inglês como um todo, e não apenas nas perguntas em inglês. Você pode usar ele também nas frases de afirmação e nas de negação.

Como usar o verbo auxiliar em perguntas?

Os verbos auxiliares, como o do, por exemplo, podem ser usados em várias situações. Mas, basicamente podemos dividir elas em dois casos, ou seja, duas formas de serem usadas. Um deles em que as possíveis respostas são apenas sim e não, e a outra é que as respostas podem ser uma informação diferente de sim ou não.

No primeiro caso, em que as possíveis respostas são sim e não, a pergunta é montada seguindo essa lógica:

Verbo auxiliar + Sujeito + Verbo + Complemento

Então, para representar uma frase interrogativa, você precisa colocar o verbo auxiliar na frente da frase. Ficando dessa forma:

  • Did you stay at home last night? (Você ficou em casa na última noite?)
  • Do your sister has a car? (Sua irmã tem um carro)
  • Do you like ice cream? (Você gosta de sorvete?)

Mas, existem também as perguntas que usamos os verbos auxiliares, mas também usamos as palavras interrogatórias.

Para quem não conhece, as palavras interrogatórias são essas:

  • What? (O que?)
  • Who? (Quem?)
  • Where? (Onde?)
  • When? (Quando?)
  • Why? (Por que?)
  • How? (Como?)
  • How much? How many? (Quantos?)
  • Which? (Qual?)
  • Whose (De quem?)

Sendo assim, tem situações onde além dos auxiliares, também usamos essas palavras. Então, a estrutura da frase fica assim:

Palavra interrogatória + Auxiliar + Sujeito + Verbo + Complemento

E os exemplos de frase nesse caso, são:

  • Where did you go yesterday? (Onde você foi ontem?
  • How many TVs do you have? (Quantas TVs você tem?)
  • When did you start to run? (Quando você começou a correr?)

Existem também situações em que os verbos auxiliares não são necessários, e isso acontece quando o sujeito da frase é o mesmo que o da palavra interrogatória. Dessa forma, não é necessário usar o verbo auxiliar.

E as frases ficariam assim:

  • What happens there? (O que acontece lá?)
  • Who wins tomorrow? (Quem vence amanhã?)
  • Who likes Spanish? (Quem gosta de espanhol?)

Para você entender melhor a diferença entre esses dois casos, vou te dar mais um exemplo de frase. E dessa vez, comparando as duas formas com uma mesma sentença.

  • Who did Tony kiss at the party? (Quem Tony beijou na festa?)

Nesse caso, usamos o auxiliar. Porém, num segundo caso, nós não precisamos usar. Dá uma olhada:

  • Who kissed him at the party? (Quem o beijou na festa?)

Agora ficou mais fácil de entender, não é mesmo?

Então, espero que tenha respondido a sua dúvida, Moane.

E se você ficou com mais alguma dúvida ao ler esse post, não pense duas vezes antes de me mandar a sua pergunta. Será uma alegria para mim poder respondê-la e te ajudar a chegar cada vez mais perto da sua fluência no inglês.

Além disso, você também pode dar uma lida em outros posts da série “pergunte ao gringo” que eu já fiz aqui no blog.

Dá uma olhada em alguns desses links:

Com certeza tem muito conteúdo bacana que você pode aproveitar nesses posts.

E assim, nós encerramos mais um post aqui no blog. Conto com você para compartilhar esse conteúdo com os seus amigos ou qualquer pessoa que você acreditar ser esse conteúdo relevante para ela. Combinado? É o nosso trato!

Vamos espalhar pelo mundo a mensagem de que aprender inglês pode ser muito mais fácil do que muitas pessoas imaginam. Na verdade, essa é minha grande missão de vida no momento: fazer com que o máximo de brasileiros não só percebam que aprender inglês pode ser algo mais fácil e divertido do que eles imaginam, como também ajudá-los na conquista desse sonho, desse objetivo.

Então, conto com você para compartilhar essa ideia. Você também pode contar comigo para tirar as suas dúvidas e que podem estar te travando na hora de aprender inglês, combinado?

Sendo assim, reforço que qualquer dúvida que vocês tiverem em relação ao inglês, pode comentar aqui no blog. Tenha certeza que será uma grande alegria para mim.

Abraços e até mais!

Bye… see you!