Existe idade para fazer intercâmbio?

Olá, hello…

How are you today? Como você está hoje?

Espero que muito bem, pois eu estou ótimo e quero passar um pouco dessa energia positiva para você também através do tema que vou falar hoje.

Digamos que você está aí, de baixo astral, pois sonha fazer um intercâmbio, porém acredita que é muito novo ou muito velho para isso.

Eu tenho uma notícia boa para te dar: não existe idade para fazer intercâmbio! Isso mesmo… não existe idade certa para fazer intercâmbio.

Tem algumas coisas na vida que não são indicadas fazer quando somos mais velhos, como por exemplo pular de bungee jump se você tem algum tipo de problema no coração. Mas, tem outras coisas que não tem idade certa…

E, uma dessas coisas, é fazer intercâmbio. O mais importante, na verdade, não é a sua idade cronológica, aquela que está na sua carteirinha de nascimento. O mais importante é a sua idade mental, o quanto você tem maturidade para se desenvolver num intercâmbio, desenvoltura e mais um monte de coisa.

Eu falo tudo isso pois, muitas pessoas que sonham fazer intercâmbio, acham que tudo vai ser lindo, mamão com açucar, que nem diz uma expressão brasileira. Porém, num intercâmbio, nem tudo são flores.

Você pode passar por dificuldades financeiras, você pode se sentir sozinho, sentirá falta das pessoas que ama, da sua casa, dos lugares que costumava frequentar, da comida brasileira. Enfim… você sentirá falta de muita coisa.

Por isso, muitas pessoas acabam sonhando em fazer um intercâmbio, fazem de tudo para isso acontecer, e acabam não aproveitando bem o tempo fora. Isso acontece pois elas não estava preparadas para fazer essa atividade.

Mesmo que conheçam pessoas diferentes, provem comidas diferentes, vivam situações diferentes, o que elas queriam mesmo era estar em casa, com a sua família, com a sua cultura e etc.

Então, na hora de fazer um intercâmbio, o mais importante não é necessariamente a idade cronológica, e sim o quanto você está preparado para morar fora do Brasil por um determinado período.

E aí, você está preparado?

Muitas pessoas, tenho certeza disso, vão dizer: estou preparado, mas não tenho dinheiro. Ou então, estou preparado, mas não tenho tempo. Estou preparado, mas… alguma coisa.

E sabe qual é a minha resposta para isso? É que então você não está preparado…

Digo isso, pois, quando a gente quer alguma coisa, com certeza conseguimos fazer isso acontecer. Tenho vários alunos que não tinham condições nenhuma de fazer um intercâmbio, e criaram a sua realidade para fazer com que o intercâmbio fosse possível.

Então, o que te impede de verdade a fazer um intercâmbio hoje? Pare e reflita sobre isso, pois é algo muito importante…

E, se você acha que não está preparado para fazer um intercâmbio, o que falta para estar preparado? Se a resposta for a fluência em inglês, você pode contar comigo.

Tem vários posts aqui no blog em que eu compartilho dicas para você aprender inglês. Dá uma olhada neles:

E, ainda sobre intercâmbio, eu vou te chamar a atenção para um ponto muito importante…

Eu sei que tem muita gente que acredita ser o intercâmbio a melhor maneira de aprender inglês. Com certeza, viajar para um país que fale inglês e ficar mergulhado no idioma, vai fazer muito diferença para a sua fluência de inglês.

Mas, o que eu indico, é que você vá para esse país com o inglês básico, pelo menos. Assim, você não vai passar dificuldades na hora de pedir uma comida, de pagar o seu aluguel, ou até mesmo de fazer a inscrição no seu curso de inglês fora do Brasil.

Eu, por exemplo, fiquei 4 meses estudando português antes de chegar no Brasil. Sendo assim, quando cheguei no Brasil, já sabia falar português, já era fluente no idioma. Com isso, sem dúvida alguma, eu consegui aproveitar bem melhor meu tempo no país.

Fiz amigos incríveis, conheci lugares incríveis e ainda por cima fechei negócio com pessoas incríveis. Então, meu conselho é para que você faça a mesma coisa.

Não precisa chegar nesse país que você escolheu fazer intercâmbio sendo fera no inglês. Mas, pelo menos o básico, eu diria que era muito importante você saber.

Espero que com o texto de hoje eu tenha tirado suas dúvidas e também seus medos de fazer um intercâmbio. Para viajar, não tem idade certa. Para morar fora, não tem idade certa.

Ontem mesmo eu postei um estudo dizendo que crianças de 10 anos, mais ou menos, que são expostas a um país que fale uma segunda lingua por 13 meses, tem o desenvolvimento do cérebro melhor do que uma que não tem acesso a tal oportunidade.

Claro que, nesse caso, elas não irão para outro país sozinhas. Os pais teriam que ir junto.. Mas, olha a importância disso? O quanto interfere no desenvolvimento dela?

Se você quiser, pode ler melhor o post: Estudar inglês na infância pode trazer benefícios ao cérebro.

Espero que você goste.

Então por hoje é isso, muito obrigado pela sua companhia e até mais.

Ah, se gostou do post de hoje, não esqueça de compartilhar ele com os seus amigos. Quem sabe eles também se convencem de quem para fazer um intercâmbio não existe idade certa…

Sucesso pra você!

Abraços e até mais…

See you! Bye, bye…