Especial de Natal: Tradições e vocabulários

Olá, hello…

How are you? Como você está?

Eu estou muito bem, obrigado… Empolgado para essa fase final do ano.

Inclusive, estou no Brasil reunido com a minha equipe e família para planejarmos o ano novo que está chegando. Tem muita coisa boa vindo por aí, isso eu posso prometer para vocês…

Mas, enquanto o ano novo não chega, tenho dois assuntos para falar com vocês no post de hoje. Como o Natal está chegando, quero comentar aqui no blog algumas tradições e também vocabulários em inglês relacionados à essa época do ano. Além disso, vou fazer um resumo dos posts da semana…

Eu sempre gosto de fazer esse resumo com os posts da semana pois muita gente me diz que não tem tempo para estudar inglês ou até mesmo para acompanhar diariamente os posts aqui do blog.

Então, com esse resumo dos posts, você consegue em apenas um dia revisar todo o conteúdo que eu compartilhei com você durante a semana. E, claro, fica em dia com os seus estudos de inglês.

Além disso, se você já souber de algum assunto, não precisa ler sobre ele novamente… A não ser que precise memorizar melhor o conteúdo, afinal de contas, o nosso cérebro precisa de repetição para memorizar o assunto (e você precisa dar isso para ele para ser fluente no inglês).

Portanto, vamos começar? Chegou a hora da revisão dos posts da semana…

Revisão dos posts da semana

Bom, agora chegou a hora da gente começar a revisar os posts da semana…

Todos os dias eu posto em média dois conteúdos diferentes aqui no blog, então tem muito conteúdo sempre para você acompanhar.

Então, vou comentar sobre cada um dos posts que foram para o ar essa semana, espero que você goste.

Aprender inglês com música # Don’t Call

Existem várias formas de aprender inglês de um jeito mais fácil, e uma delas é através da música. Então, nesse post e na verdade, nessa série de posts, eu sempre compartilho músicas em inglês que fazem muito sucesso e que você pode usar para aprender inglês.

Foi o que aconteceu nesse link que você pode acessar agora, eu compartilhei o clipe, a letra e a tradução de um sucesso atual, a música chamada “Don’t Call”:

Aprender inglês com música # Don’t Call

Pergunte ao gringo: consigo aprender inglês sozinha?

Outra série de post muito legal que estou fazendo aqui no blog é a “pergunte ao gringo”. Nessa série, eu respondo as perguntas que os meus seguidores fazem para mim em relação ao estudo de inglês… São muitas perguntas, mas eu busco sempre responder as mais requisitadas pelos meus seguidores.

No caso desse post, eu falei sobre a possibilidade de estudar inglês sozinha. Será que você precisa estar matriculado em um cursinho de inglês para aprender o idioma? Será que precisa ter dinheiro para ser fluente em inglês? E por aí vai…

Tudo isso, vou responder nesse post:

Pergunte ao gringo: consigo aprender inglês sozinha?

Qual a diferença entre Win, Earn e Gain?

Você sabe responder essa pergunta? Se não souber, então você precisa acessar esse post…

Nele, eu explico a diferença entre essas três palavras, win, earn e gain. Todas elas tem relação a ganhar, porém são usadas de formas diferentes.

Então, se você quiser descobrir quais são as diferenças entre elas, está na hora de acessar esse post:

Qual a diferença entre Win, Earn e Gain?

4 filmes em inglês para assistir no Netflix

O Netflix, além de ser seu aliado para os momentos de diversão, também pode ser seu aliado nos momentos de aprendizado.

Então, se você quiser aprender inglês de um jeito divertido, é só acessar esse post em que compartilho com você dica de 4 filmes em inglês para você assistir e treinar o idioma.

Acesse e saiba quais são os filmes:

4 filmes em inglês para assistir no Netflix

Como se diz “Amarelar” em inglês?

Algumas expressões em inglês não são traduzidas literalmente para o português, e vice-versa.

Por isso, nessa série de posts aqui do blog, eu compartilho com vocês algumas expressões que podem ou não serem traduzidas literalmente para o português ou para o inglês.

Sendo assim, será que “amarelar” em inglês se diz exatamente assim? Bom, isso você só vai descobrir se acessar esse link:

Como se diz “Amarelar” em inglês?

Aprenda as melhores piadas em inglês

Tem várias formas de aprender inglês de um jeito divertido. Aqui no blog eu sempre falo de séries, músicas, filmes… Mas, nunca falei de piadas.

E isso não quer dizer que essa não seja uma boa forma de aprender inglês…. Pois, pode ter certeza que essa é sim uma ótima forma de aprender um novo idioma. E, além de aprender e treinar o seu inglês, você também vai rir e fazer os outros rirem, então é bom demais, não acha?

Então, se você curte piadas, está na hora de acessar esse post e encontrar algumas piadas em inglês.

Acesse e dê boas risadas:

Aprenda as melhores piadas em inglês

Receitas em inglês # Gingerbread Cookies

Sabe aquele bonequinho de bolacha que aparecem em alguns desenhos americanos? Eles são os gingerbreads, e são super fáceis de serem feitos.

Bom, você pode não concordar comigo… Mas, também pode tirar suas conclusões vendo esse post em que, além de aprender e treinar o seu inglês, você vai também aprender uma deliciosa receita tradicional da época de natal.

É só acessar e se deliciar:

Receitas em inglês # Gingerbread Cookies

Aprender Inglês com Seriado #The Handmaid’s Tale

Aprender inglês com seriado também é uma ótima forma de treinar o seu inglês, afinal de contas, você terá certeza que o inglês usado é o inglês nativo.

Pode parecer besteira, mas muitos brasileiros acabam não entendendo o que os americanos estão falando quando vão para os Estados Unidos exatamente porque estudaram e treinaram o inglês sempre falado por um brasileiro que usa o sotaque em português.

Acredite ou não, isso pode ser essencial para o seu aprendizado de inglês. Tem muitos brasileiros que falam inglês perfeitamente bem, mas também tem brasileiros que não falam. Como você está no seu início do aprendizado, é difícil para você conseguir diferenciar os dois.

Sendo assim, assistindo séries em inglês, você tem certeza que está aprendendo o modo de falar correto.

E, pode fazer isso através da série que vou indicar hoje, ou também através de outras séries que já indiquei aqui no blog.

Para saber mais, é só acessar:

Aprender Inglês com Seriado #The Handmaid’s Tale

Frases em inglês: para compartilhar nas redes sociais

As frases de impacto para compartilhar nas redes sociais viraram uma grande febre mundial, não é só no Brasil, não.

Então, que tal usar essas frases para você aprender inglês também? Por isso, nesse post eu compartilhei uma série de frases em inglês para você refletir e, quem sabe, compartilhar nas suas redes sociais, caso isso esteja dentro da sua realidade, dentro do momento de vida em que você está vivendo.

Para saber mais, é só acessar o post e tentar entender melhor as frases sem ver a tradução antes, combinado?

Acessa lá:

Frases em inglês: para compartilhar nas redes sociais

Lista de vocabulário em inglês: Natal e Ano Novo

Aproveitando essa época do ano, eu também resolvi escrever sobre vocabulários em inglês sobre natal e ano novo. Vou falar um pouco melhor sobre isso no post de hoje, mas você também pode saber um pouco mais sobre o assunto lendo esse post.

Nele, você vai encontrar uma lista de vocabulários e frases relacionados ao Natal e Ano Novo.

Acessa lá para saber mais:

Lista de vocabulário em inglês: Natal e Ano Novo

E, dessa forma, acabamos a revisão dos posts dessa semana. Como eu disse, no total eu escrevo 10 posts por semana, mais ou menos 2 por dia… Então, se você quer continuar aprendendo inglês de um jeito divertido e mais rápido, é só acessar o meu blog todos os dias que eu sempre vou compartilhar contigo dicas bem bacanas sobre o assunto.

Dicas como a de hoje, em que vou falar com você sobre tradições e vocabulários de Natal, para te ajudar a colocar o inglês no seu dia a dia e também entender quais são as diferenças do Natal nos Estados Unidos e do Natal no Brasil.

Vamos lá falar sobre o assunto…

Especial de Natal: Tradições e vocabulários

A primeira coisa que eu quero dizer sobre esse assunto é que o Natal Americano e o Natal Brasileiro tem muuuitas diferenças.

São tantas diferenças que eu resolvi elencar elas primeiro para você entender melhor como funciona… vamos lá!

  1. Não temos a tradição de comer Peru na ceia: essa é uma tradição bem comum no Brasil, mas não é nada comum nos Estados Unidos. Uma possível explicação para isso é que o Thanksgiving, ou em português o Dia de Ações de Graça, é a data em que o Peru ganha grande destaque nas mesas americanas. Então, são poucas as famílias que repetem a mesma comida na ceia de Natal. Então, é bem comum encontrar famílias comendo outros pratos, como as famosas lasanhas, por exemplo;
  2. Não fazemos a ceia no dia 24: pelo que eu entendi, no Brasil se comemora o Natal mesmo é na virada do dia 24 para o dia 25, não é mesmo? Pois é, nos Estados Unidos nós não temos essa tradição. Comemoramos o Natal durante o dia 25, mesmo.
  3. Panetone é outra tradição que não temos: o Natal vai chegando e os supermercados brasileiros ficam cheios de panetone, não é mesmo? Pois é, nos Estados Unidos você até encontra ele em alguns supermercados e tal, mas não é uma tradição famosa em nosso país. Sendo assim, se você algum dia for passar a ceia de Natal por lá, não se assuste caso não encontre panetone para vender.
  4. A tradição é usar árvores naturais para o Natal: nós não usamos as árvores artificiais que os brasileiros usam para montar as árvores, para os americanos a tradição é que a gente monte uma árvore de Natal natural mesmo. Muitas pessoas acreditam que isso seja uma agressão ao meio ambiente, porém alguns ambientalistas defendem o contrário. O motivo para isso é que as árvores de plástico não são biodegradáveis, o que agride mais o meio ambiente. Sem falar que com as árvores naturais, são os produtores locais que lucram nessa época do ano, e não as grandes corporações chinesas produtoras das árvores de plástico.
  5. Dar um vale-presente não é vergonhoso: tem muitas pessoas que acham vergonhoso dar um vale-presente para um amigo secreto ou um familiar, por exemplo. Porém, nos Estados Unidos isso não acontece e é considerada uma ótima opção de presente para o seu chefe, por exemplo, ou até mesmo para colocar nas meias que eles penduram na lareira (vou falar melhor sobre isso mais para frente). E onde você for vai encontrar vale-presente… Na farmácia, no mercado, nas lojas e por aí vai! Então, opção não vai faltar.

Bom, eu diria que essas são as principais diferenças entre o Natal americano e o Natal brasileiro, mas nos Estados Unidos nós temos várias tradições que são bem diferentes do que se vê aqui no Brasil. Vou comentar sobre elas…

Fotos de Natal em Família

Na verdade, eu acredito que isso possa ser uma consequência da tradição de enviar cartões postais para pessoas que você quer bem, familiares e amigos, por exemplo. Nos Estados Unidos e acredito que eu muitos países do mundo, existe essa tradição.

Sendo assim, na época de Natal, é bem comum que a família inteira se reúna para tirar uma foto e enviá-la para as pessoas que gosta como uma lembrança e um desejo de um ótimo Natal.

As fotos são tiradas normalmente em dezembro e, assim como no Brasil, elas podem ser tiradas dentro de shoppings, em que é possível encontrar vários Papais Noéis de plantão. Mas, também pode acontecer dentro de casa, reunindo a família inteira…

Músicas de Natal ou Xmas Carols

Segundo uma pesquisa feita nos Estados Unidos, as músicas de Natal é um dos principais motivos para as pessoas que não gostam dessa época do ano se justificarem disso. E, se você for aos Estados Unidos nessa época do ano, talvez você entenda porque…

Em todas as lojas, shoppings, programas de TV, rádios… Todos eles tocam muito as músicas de natal nessa época do ano.

Inclusive, tem rádios que passam 24h por dia tocando essas músicas nessa época do ano. Será que existe algo assim no Brasil também?

E, apesar de algumas pessoas não gostarem, tem outras que adoram. E grandes artistas se aproveitam disso para lançar grandes músicas sobre Natal nessa época e, claro, aproveitar pra se promoverem.

Ah, e as crianças também não escapam dessas músicas… Desde muito pequenas, desde a época da creche, elas aprendem a cantar essas músicas.

Sotcking ou Meias de Natal

Diferente do Brasil, o Natal nos Estados Unidos cai numa época do ano em que está muito frio. Por isso, além da neve, outro elemento que sempre está presente são as meias…

E elas estão tão presentes, que passaram também a ser uma das tradições de Natal dos americanos, que penduram meias decorativas para cada membro da família em suas lareiras e as outras pessoas vão preenchendo ela com pequenos presentes (como por exemplo doces, balas e afins.

Roupas de Natal

Além das músicas de Natal, se você for em uma das lojas de roupas americanas nessa época do Ano, com certeza vai encontrar algum suéter especial de Natal.

Por muito tempo ele foi considerado brega, mas voltou com força total nos últimos anos e as pessoas estão usando bastante.

Além de comprar em lojas o suéter pronto, algumas famílias também gostam delas mesmas fazerem o seu suéter e dar de presente. Normalmente são as avós que fazem isso, dando de presente para os seus familiares.

Casinha de biscoito de gengibre ou Gingerbread Houses

Sabe aquele boneco de bolacha que eu citei ali em cima? Além de boneco, você pode usar essa mesma receita para fazer casas de Natal…

Essa é uma tradição tão grande nos Estados Unidos, que muitas lojas decoram suas vitrines no Natal usando essas casas de bolacha.

Além disso, lojas especializadas no segmento vendem kits prontos para que as famílias também montem eles em casa, fazendo essa ser uma tradição do comércio, mas também familiar.

Pessoas cantam e tocam músicas de natal nas ruas

No dia a dia é bem comum você encontrar profissionais nas ruas americanas se apresentando, seja uma música, uma dança e por aí vai.

Então, como eu disse, normalmente são profissionais que trabalham para isso.

Porém, no final do ano, é comum que grupos de pessoas que são apenas amigos, ou seja, não são profissionais da música, se reúnam e comecem a cantar músicas de Natal pelas ruas e até mesmo em casas de repouso hospitais e por aí vai.

Essa é uma forma de espalhar o espírito natalino para todas as pessoas, sem diferenciar qualquer condição física que eles possam ter. E também uma forma de espalhar o bem, que sempre acontece nessa época do ano e seria ótimo se acontecesse o ano inteiro, não é mesmo?

Trail of lights ou trilha de luzes

A decoração de Natal estará por todos os lugares que você for, seja em lojas ou casas/ apartamentos.

Porém, nas ruas de algumas cidades, é comum você encontrar também as “Trail of lights” (são lindas demais!).

Isso nada mais é do que um trecho de uma rua em que eles preenchem com luzes no topo dela e ela fica fechada com essas luzes.

Fica muito lindo… e acaba virando uma atração para as famílias curtirem e tirarem várias fotos.

E aí, o que você achou dessas tradições de Natal? Tem algumas bem diferentes das brasileiras, não é mesmo?

E, ao menos no meu ponto de vista, tem várias tradições que você pode colocar em prática na sua família, na sua casa.

Sempre digo que uma ótima forma de aprender um novo idioma, é também conhecer um pouco mais sobre a cultura do lugar. Então, se você deseja aprender inglês, que tal também começar a praticar um pouco mais da cultura do americano também?

Claro que isso não vai ser fundamental para o seu aprendizado… Quero dizer com isso que você não vai deixar de aprender inglês se não viver um pouco a cultura do americano, ou ao menos conhecer a nossa cultura.

Mas, pode ter certeza que se você fizer isso, seu aprendizado será muito mais fácil. Isso eu posso garantir! 🙂

E isso acaba sendo mais importante ainda para as pessoas que planejam por algum motivo ir morar nos Estados Unidos. Então, se você conseguir aprender um pouco da cultura do local, além do inglês, você com certeza vai se dar bem melhor do que uma pessoa que vai para lá crua, ou seja, sem saber nada de inglês e nem da cultura dos americanos.

E, infelizmente, isso acontece bastante… Como sou uma pessoa mais experiente nesse sentido, sempre indico para que as pessoas que desejam morar por um tempo ou até mesmo para sempre nos Estados Unidos, não façam isso sem saber o mínimo do inglês, o básico.

Qualquer acidente que aconteça enquanto você estiver lá e não souber falar o idioma, pode ter proporções gigantescas que você nem consegue imaginar. Então, saber falar no mínimo as direções, saber comunicar as suas necessidades e afins, vai facilitar muito a sua vida.

Eu, por exemplo, aprendi português em 4 meses sem nunca ter pisado no Brasil. Então, quando vim para cá, eu já sabia falar o português básico. Ao longo dos anos, meu foco sempre que venho para cá é aperfeiçoar o meu português, mas não aprender o português do zero.

Assim, eu fiz várias amizades e sempre aproveito ao máximo as minhas visitas… Como estou aproveitando agora, com meus amigos e familiares. É sempre muito bom estar aqui…

Então, agora vou lá curtir eles, que estão me esperando para aproveitarmos esse dia maravilhoso. Desejo o mesmo para você e toda a sua família.

Abraços e até mais… bye, bye!