Como se diz “Levar Para o Mau Caminho” em inglês?

Olá, hello!

How are you today? Como você está hoje?

Eu estou muito bem, obrigado. E espero que você também… Assim você estará melhor preparado para o que eu vou te ensinar hoje.

E o assunto do dia é: te ensinar como dizer “levar para o mau caminho” em inglês.

Mas, antes de falar sobre esse assunto, quero compartilhar com você outros posts que eu fiz aqui no blog sobre esse assunto. Na verdade, essa é uma série de posts em que meu objetivo é te ensinar a dizer algumas palavras e expressões que muitas vezes em inglês não tem a tradução literal, mesmo que tenha uma tradução.

Sendo assim, eu escolho algumas expressões e palavras que entram nessa situação e te explico como falar sobre elas em inglês.

Dá uma olhada nos outros posts:

E, depois de conhecer essas outras expressões, hoje vamos focar em uma específica: levar para o mau caminho.

Você já se perguntou como dizer isso em inglês? É o que vou te responder agora.

Como se diz levar para o mau caminho em inglês?

O jeito mais próximo em inglês de se manter o que se quer falar com essa expressão em português é “to lead someone astray” e, quando falamos de someone, ele também pode ser substituído por qualquer pessoa (he, she, they, we,…).

Então, para te ajudar a entender melhor o contexto dessa expressão em inglês, vou te dar alguns exemplos:

  • My husband said our friends is leading us astray. (Meu marido disse que nossos amigos estão nos levando para o mau caminho.)
  • We have to avoid those whose purpose is to lead us astray. (Nós temos que evitar aqueles cujo propósito é nos levar para o mau caminho.)
  • No one can lead me astray. I know what I am doing. (Ninguém consegue me levar para o mau caminho. Eu sei o que estou fazendo.)

E agora, ficou mais fácil entender como usar essa expressão em inglês? Espero que sim!

Se você gostou do post de hoje, não esqueça de compartilhar ele com os seus amigos. E, se ficou alguma dúvida, pode comentar aqui no blog.

Muito obrigado pela sua companhia e até mais!

Bye, bye…