Aprender inglês com textos #The Clever Crow

Olá, hoje é dia de aprender inglês com texto!

E, a pedido da nossa seguidora Iolanda Garcia, que pediu mais histórias como a do baby bear (Aprender inglês com Texto #Baby Bear), hoje vou compartilhar a história do corvo inteligente. 

The Clever Crow

Once upon a time there lived a crow. She had built her nest on a tree. At the root of the same tree, a snake had built its home.

Whenever the crow laid eggs, the snake would eat them up. The crow felt helpless. “That evil snake. I must do something. Let me go and talk to him,” thought the crow.

The next morning, the crow went to the snake and said politely, “Please spare my eggs, dear friend. Let us live like good neighbors and not disturb each other.”

“Huh! You cannot expect me to go hungry. Eggs are what I eat,” replied the snake, in a nasty tone.

The crow felt angry and she thought, “I must teach that snake a lesson.”

The very next day, the crow was flying over the King’s palace. She saw the Princess wearing an expensive necklace. Suddenly a thought flashed in her mind and she swooped down, picked up the necklace in her beak and flew off to her nest.

When the Princess saw the crow flying off with her necklace, she screamed, “Somebody help, the crow has taken my necklace.”

Soon the palace guards were running around in search of the necklace. Within a short time the guards found the crow. She still sat with the necklace hanging from her beak.

The clever crow thought, “Now is the time to act.” And she dropped the necklace, which fell right into the snake’s pit of house.

When the snake heard the noise, it came out of its pit of house. The palace guards saw the snake. “A snake! Kill it!” they shouted. With big sticks, they beat the snake and killed it.

Then the guards took the necklace and went back to the princess. The crow was happy, “Now my eggs will be safe,” she thought and led a happy and peaceful life.

The Clever Crow

Era uma vez um lugar onde vivia um corvo. Ele construiu seu ninho em uma árvore. Na raiz da mesma árvore, uma cobra construiu sua casa.

Sempre que o corvo colocava ovos, a cobra os consumiria. O corvo sentiu-se indefeso. “Essa serpente malvada. Devo fazer algo. Deixe-me ir e falar com ela”, pensou o corvo.

Na manhã seguinte, o corvo foi até a cobra e disse educadamente: “Por favor, poupe meus ovos, querido amigo. Deixe-nos viver como bons vizinhos e não nos perturbar uns aos outros. ”

“Hã! Você não pode esperar que eu fique com fome. Os ovos são o que eu como “, respondeu a cobra, com um tom desagradável.

O corvo sentiu raiva e pensou: “Eu devo ensinar a essa cobra uma lição”.

No dia seguinte, o corvo estava voando sobre o palácio do rei. Ele viu a princesa vestindo um colar caro. De repente, um pensamento brilhou em sua mente e ele se abaixou, pegou o colar em seu bico e voou para seu ninho.

Quando a princesa viu o corvo voando com seu colar, ela gritou: “Alguém ajuda, o corvo pegou meu colar”.

Logo os guardas do palácio estavam correndo em busca do colar. Dentro de pouco tempo, os guardas encontraram o corvo. Ele ainda estava sentada com o colar pendurado no bico.

O corvo inteligente perguntou: “Agora é a hora de agir.” E ela deixou cair o colar, que caiu diretamente na cova da casa da cobra.

Quando a cobra ouviu o barulho, saiu da casa. Os guardas do palácio viram a cobra. “Uma cobra! Mate-a! “Eles gritaram. Com grandes palitos, eles bateram na cobra e a mataram.

Então os guardas pegaram o colar e voltaram para a princesa. O corvo estava feliz: “Agora meus ovos estarão seguros”, pensou e levou uma vida feliz e pacífica.