Aprender inglês com texto # Why Christmas songs drive some people crazy

Olá, hello…

Hoje é dia de aprender inglês com um texto em clima natalino.

Why Christmas songs drive some people crazy

Does Christmas music put you in the spirit of giving or turn your heart two sizes too small?

If you find yourself relating to a hairy, green, holiday-hating beast known as the Grinch when your ears are filled with the sounds of the season, you’re in good company.

A 2011 Consumer Reports poll found that almost 25% of Americans picked seasonal music as one of the most dreaded aspects of the holiday season, ranking just behind “seeing certain relatives.”
A survey this fall of 2,000 people in the US and Britain by Soundtrack Your Brand, a Spotify-backed company that says it’s on a mission “to kill bad background music,” found that 17% of US shoppers and 25% of British shoppers “actively” dislike Christmas music. Bah! Humbug!

Health benefits of music

When it comes to your health, science says music is good for you. Studies show that music can treat insomnia; lessen the experience of pain (even during dental procedures); reduce your heart rate, blood pressure and anxiety; boost your mood and reduce depression; alter brainwaves and reduce stress; help you slow down and eat less during a meal; help your body recover faster; and engage the areas of the brain involved with paying attention, remembering and making predictions. Many studies say the best type of music for health is classical in nature, full of rich, soothing sounds.
With all those positives, what’s the problem with Christmas tunes?

Por que as músicas de Natal deixam algumas pessoas loucas

A música de Natal coloca você no espírito de dar ou transformar seu coração em dois tamanhos muito pequenos?

Se você fica igual a uma besta peluda, verde e ferrante, conhecida como Grinch quando seus ouvidos estão cheios de sons da temporada, você está em boa companhia.

Uma pesquisa do Consumer Reports de 2011 descobriu que quase 25% dos americanos escolheram a música sazonal como um dos aspectos mais temidos da temporada de férias, ficando atrás apenas de “ver certos parentes”.
Uma pesquisa com cerca de 2.000 pessoas nos EUA e na Grã-Bretanha feita pela Soundtrack Your Brand, uma empresa com suporte de Spotify que diz ter como missão “matar a música ruim”, descobriu que 17% dos compradores dos EUA e 25% dos compradores britânicos ” ativamente ” não gostam de música de natal. Bah! Farsa!

Benefícios para a saúde da música

Quando se trata de sua saúde, a ciência diz que a música é boa para você. Estudos mostram que a música pode tratar a insônia; diminuir a experiência da dor (mesmo durante os procedimentos dentários); reduzir sua freqüência cardíaca, pressão arterial e ansiedade; aumentar seu humor e reduzir a depressão; alterar as ondas cerebrais e reduzir o estresse; ajudá-lo a diminuir a velocidade e comer menos durante uma refeição; ajudar seu corpo a se recuperar mais rápido; e envolver as áreas do cérebro envolvidas com a atenção, lembrando e fazendo previsões. Muitos estudos dizem que o melhor tipo de música para a saúde é de natureza clássica, cheia de sons ricos e suaves.

Com todos esses aspectos positivos, qual o problema das músicas de Natal?

Ficou curioso para saber a resposta dessa pergunta? Então…

Leia a matéria completa no site da CNN.

Abraços e até mais! 🙂