Aprenda a usar o verbo “to have”

Olá, hello!

How are you? Como você está?

Focado na sua meta de aprender inglês? Espero que sim e que você esteja contando comigo para alcançar o mais rápido possível essa meta… E, claro, de um jeito prazeroso.

Muitas pessoas acham difícil aprender inglês e que, para conseguir falar inglês, ou seja, ser fluente em inglês, precisa saber muitas palavras, muitas regras gramaticais antes de começar a praticar.

No meu ponto de vista, é exatamente o contrário… Você tem que ir aprendendo e praticando, deixando a teoria e a prática andarem lado a lado no seu aprendizado. Isso é muito importante inclusive para fixar todas as matérias que você estudou até então…

Outro ponto importante é que, para ser fluente em inglês, você não precisa saber tudo. O mais importante é você saber o básico, assim já consegue se expressar e, caso esqueça alguma palavra, fica mais fácil explicar o que você pretende falar.

Por causa disso, eu já fiz alguns posts aqui no blog falando de vocabulários básicos, por exemplo, que vão te ajudar a formar várias frases. Dá uma olhada nesses posts:

Todos eles vão te ajudar a aprender o básico e, a partir daí, começar a sua fluência.

E, falando em fluência, claro que as regras gramaticais, ou seja, a teoria, também é algo importante para te ajudar a atingir sua meta de falar inglês fluentemente.

Por isso, também existem algumas regras que você pode começar estudando e que seguem a mesma lógica, começar pelo básico.

Quando as escolas brasileiras começam a ensinar inglês, elas sempre começam pelo verbo to be, né? Pelo menos é o que eu ouço os meus alunos falarem… Que muitas vezes eles passam anos estudando e só aprenderam o verbo to be.

Isso acontece pois o verbo to be é um dos verbos básicos do inglês. Por isso, é muito importante você saber usar o verbo to be, ele vai te ajudar a formar muitas frases em inglês.

Se você quer saber mais sobre o verbo to be, dá uma olhada nesses posts:

E, além do to be, outro verbo bem importante e que deve ser estudado logo no início do seu aprendizado de inglês, é o “to have”. E é exatamente sobre ele que vamos falar no post de hoje…

Como devo usar o verbo to have?

Existem várias maneiras de usar o verbo to have, e não é só para falar de possuir alguma coisa. Para facilitar o seu aprendizado, vou dividir em tópicos cada uma das observações que tenho para fazer sobre esse verbo e também das formas de uso do to have.

Para representar posse

Esse é o uso mais comum, mais conhecido do verbo to have, para falar que algo é de alguém, ou até mesmo seu.

Por isso, quando você quiser falar de posse, use o verbo to have.

Vou te dar uns exemplos:

  • I have a dream. (Eu tenho um sonho)
  • You have a party to go. (Você tem uma festa para ir)
  • We have a nice family. (Nós temos uma família legal)

Não use para falar de idade

No português falamos “eu tenho 15 anos”, por exemplo, não é mesmo? Por mais que a tradução do inglês para o português seja essa, não é dessa forma que montamos as frases para falar da idade.

Em vez de usar o to have, você deve usar o verbo to be. Vou te dar uns exemplos para ficar mais fácil:

  • I am 30 years old. (Eu tenho 30 anos)
  • You are 15 years old. (Você tem 15 anos)
  • She is 40. (Ela tem 40 anos)

Não use para falar existir/ haver

No português, você também diz que “lá tem alguma coisa”, por exemplo. Mas, no inglês essa frase não é montada exatamente assim.

Sendo assim, você não pode usar o to have como verbo de existência. No inglês, eles não podem ser substituídos.

Então, no lugar do to have, você deve usar there is, there are, por exemplo.

Dá uma olhada nessas frases que montei para você entender como funciona:

  • There is a dog in front of the house. (Tem um cachorro na frente da casa.)
  • There is a man inside the room. (Tem um homem dentro da sala.)
  • There are three bedrooms in that house. (Tem três quartos naquela casa.)

Conjugação no presente

Sabe aquela regrinha no inglês em que para usar os verbos com he/ she/ it você deve colocar um s no final do verbo?

Pois é, para o to have essa regra também não vale. No lugar de usar o “haves”, que na verdade não existe no inglês, você deve usar a palavra “has”.

Então, os exemplos seriam esses:

  • My brother has a bike. (Meu irmão tem uma bicicleta.)
  • My cat has a beatiful ball. (Meu gato tem uma linda bola)

Conjugação no passado

Assim como no presente em relação a algumas pessoas, o passado também não é conjugado da forma regular. Sendo assim, você não tem como apenas adicionar o “ed” no final do verbo.

No lugar dele, você deve usar a palavra “had”. Então, ficaria assim:

  • I had a house. (Eu tinha uma casa.)
  • She had an appointment. (Ela tinha uma consulta.)
  • We had a deal. (Nós tínhamos um acordo.)

E aí, conseguiu aprender um pouco mais sobre o verbo “to have”? Espero que sim.

Qualquer dúvida, já sabe, estou à disposição. E não esqueça de compartilhar esse post com os seus amigos, combinado?

Abraços e até mais…

See you soon!