Aprenda definitivamente como usar os pronomes em inglês

Olá, hello!

How are you today? Como você está hoje?

Pesquisando sobre quais assuntos eu posso falar com vocês aqui no post de hoje, me lembrei que sempre tem alguém perguntando sobre pronomes em inglês.

Quando o assunto é teoria, tem várias coisas que eu percebe que gera bastante dúvida entre os estudantes de inglês, e o uso do pronome é uma delas. Embora eu já tenha falado sobre esse assunto em alguns posts aqui no blog, eu resolvi fazer um post com o objetivo de você aprender definitivamente sobre o uso dos pronomes em inglês.

Desse jeito, você não fica mais perdido, sem saber como usá-los corretamente, ok?

Antes da gente continuar falando sobre o assunto de hoje, gostaria de compartilhar com você alguns dos posts do blog em que o assunto foi pronomes em inglês.

Dá uma olhada neles:

Então, para te ensinar definitivamente sobre o uso dos pronomes em inglês, eu resolvi falar sobre os erros mais comuns na hora de usar eles.

A gente sabe que, principalmente no início, é comum errarmos bastante na hora de falar inglês… Porém, a gente sabe também que a prática vai nos tornando melhores naquilo que estudamos. Por isso, para você conseguir ter uma análise crítica do que está fazendo, é muito importante saber os erros mais comuns.

Assim, se você está cometendo algum deles, fica mais fácil corrigir.

Quer saber que erros são esses? Então, vamos lá:

Cada pronome deve ser usado de acordo com a pessoa

Como falei no post sobre a diferença de traduzir e entender inglês, o português e o inglês são duas línguas diferentes. Sendo assim, você não pode usar as mesmas regras gramaticais para falar as duas línguas.

A prova disso é o uso dos pronomes possessivos. No português, você pode falar que algo é dele, assim como também podemos dizer que é seu, certo? Os dois têm o mesmo significado.

Só que o mesmo não acontece no inglês… Você não pode usar o mesmo pronome para pessoas diferentes, cada pessoa tem seu próprio pronome possessivo e isso não pode mudar.

Então, será sempre assim:

I (eu) – My (meu)
You (você) – Yours (seu)
He (ele) – His (dele)
She (ela) – Her (dela)
It (ele) – Its (deles)
We (nós) – our (nosso)
They (eles) – Their (deles)

Então, isso não muda nunca, ok? Uma regra sem exceções.

Vou te dar alguns exemplos de frase:

  • You have a book. That is your book. (Você tem um livro. Aquele é seu livro.)
  • He has a bird. This is his bird. (Ele tem um pássaro. Este é o pássaro dele.)
  • She doesn’t have dogs. That can’t be her dog. (Ela não tem cachorros. Aquele não pode ser o cachorro dela.)

Deu para entender agora? Espero que sim! Mais ainda tem dois pontos que quero chamar a sua atenção e são erros bem comuns.

Se não for sujeito, não use a pessoa

Sabe quando no português vocês falam que mim não faz nada? Pois é, no inglês tem muita gente usando isso de forma errada também. Então, é muito importante lembrar que quando na frase a pessoa não é um sujeito, você deve usar o pronome, e não a pessoa, ok?

Deixa eu te explicar melhor através de um exemplo:

  • I need a notebook. Can I take this one for me? (Preciso de um caderno. Posso pegar esse aqui para mim?)

Nesse caso, você não poderia dizer, por exemplo, “can I take this one for I?”, estaria muito errado. Como você viu no exemplo, o certo seria usar o me.

Vou te dar mais um exemplo:

  • We know you can’t take us now. (Sabemos que você não pode nos levar agora.)

Nesse caso, você não poderia dizer “we know you can’t take we now”, o certo é a frase que você viu no exemplo ali em cima.

Agora, vamos para o último erro mais comum no uso dos pronomes.

Não se confunda com os pronomes indefinidos

Anyone, somebody, everyone… esses são alguns exemplos de pronomes indefinidos. Como eles são indefinidos, muitas vezes temos impressão que eles estão sempre no plural.

Porém, isso não é verdade. Para usar os pronomes indefinidos, devemos levar sempre em consideração que eles estão no singular.

Veja os exemplos de frase:

  • Everybody wants to go with you. (Todo mundo quer ir com você.)
  • We know someone is here. (Sabemos que alguém está aqui.)

Agora que você conseguiu entender um pouco mais sobre os pronomes em inglês, que tal praticá-los? Eu sempre falo que a melhor maneira de aprender a gramática é praticando o inglês, certo?

E essa prática pode ser feita de diversas maneiras… Vendo série, músicas, textos e afins.

Vou compartilhar com você algumas dicas dessas que já dei aqui no blog:

E, se além disso você puder também conversar com algum falante de inglês, ou até mesmo nativo, melhor. Quanto mais você conseguir se envolver com a língua, mas você irá aprender e fixar tudo que estudou.

Espero que tenha gostado do post de hoje. Se gostou, não esqueça de compartilhar com algum amigo seu que está com dificuldade de aprender os pronomes em inglês, o que acha? Tenho certeza que ele vai adorar saber que você lembrou dele.

Então, por hoje é isso… Mais uma vez, muito obrigado pela sua companhia.

Abraços e até mais.

Bye, bye… see you soon!