5 Dicas para manter a fluência no inglês

Olá, hello!

How are you? Como você está?

Hoje é dia de falar sobre um assunto muito legal… E não é um assunto tão básico assim, pois para se importar com ele você já deve ter um mínimo de fluência no inglês.

Então, para ficar mais claro sobre o que eu estou falando, vou dar um exemplo para você.

Digamos que depois de muito esforço, você finalmente conseguiu realizar seu sonho de ir morar fora do Brasil. Passou um tempo morando na Irlanda, na África, nos Estados Unidos… Enfim, não importa o local! O que importa é que nesse período você conseguiu aprender muito inglês, já está se comunicando com as pessoas numa boa e teve um crescimento muito grande…

Porém, ao voltar para o Brasil e começar a falar português novamente, você tem receio de perder a fluência que conquistou morando fora do país. Ou até mesmo você percebe que cada vez mais sua fluência está indo embora, por mais que você não queira.

Quando tem a oportunidade de falar inglês fica com vergonha, tem medo de falar e errar e acaba evitando essas situações.

Bom, se você se sente assim, quero te dizer que com certeza você não está sozinho! E essa é uma das grandes dificuldades que as pessoas passam ao voltar para o Brasil depois de um intercâmbio fora do país para aprender inglês, ou até mesmo qualquer outro idioma.

Sendo assim, no post de hoje eu vou compartilhar com vocês algumas dicas que no meu ponto de vista vão te ajudar bastante a manter a fluência que você já conquistou.

Ah, e a questão do intercâmbio foi só um exemplo, tá? Um exemplo de como você pode conquistar sua fluência e ter medo de perdê-la. Mas não é o único jeito… Você pode aprender de várias outras formas, como vendo série, convivendo com algum nativo, estudando de uma apostila e por aí vai.

Não importa o jeito que você aprendeu, o mais importante aqui é a sua vontade de querer manter essa fluência que você conquistou, ok?

Então, vamos lá para as dicas…

Assista vídeos, séries e filmes em inglês

Essa é uma das formas de você manter contato, até mesmo diário, com o inglês.

Claro que não vale assistir as séries com legenda ou áudio em português, é para tudo estar em inglês.

E de preferência sem legenda… Ou seja, só o áudio em inglês!

Mas, se isso for muito difícil para você, vale colocar a legenda em inglês também.

Assim, você também irá treinar a leitura, além da audição e também aprender novos vocabulários e afins.

Só que dessa forma, você ainda não vai treinar algo muito importante para manter a sua fluência: a fala, ou a escrita.

Por isso, as próximas dicas vão te ajudar nisso.

Converse com nativos pela internet

Hoje em dia a tecnologia pode nos ajudar de tantas formas, inclusive para manter ou até mesmo melhorar a sua fluência em inglês.

Conheceu alguém legal no seu intercâmbio que você quer manter contato, mesmo estando no Brasil? Então, é só conversar com ele pelo chat, por email, mensagens nas redes sociais e afins.

É legal tanto escrever, quanto também às vezes marcar umas videoconferência para vocês trocarem uma ideia através da fala mesmo. Afinal de contas, escrever é uma coisa, falar é outra. Você precisa treinar a sua pronúncia também.

Mas, se você não gosta de ficar falando com alguém pelo computador, existe uma outra alternativa que irá te possibilitar falar com alguém em inglês, porém, pessoalmente.

Receba estrangeiros na sua casa

Hoje em dia tem várias alternativas para quem deseja receber um estrangeiro em casa.

Pode, por exemplo, se inscrever em algum programa da sua cidade que oferece a sua casa para receber estrangeiros do mundo inteiro.

Nesse caso, normalmente eles também pagam um valor pela diária, ou mensalidade, por estar na sua casa.

Então, além de receber um gringo, conhecer um pouco mais sobre a cultura dele e treinar o seu inglês, você ainda pode fazer dinheiro com essa experiência.

Uma outra alternativa é se inscrever para algum programa de couchsurfing. Nesse caso, você oferece o seu sofá, uma cama, um quarto, o que for, para alguém que deseja vir de graça para a sua casa, ficar hospedado nela e conhecer a região.

É um programa bem conhecido mundialmente e muitas pessoas já tiveram ótimas experiências com isso.

Fora essas alternativas, também tem programas que aceitam troca de serviço pela hospedagem e por aí vai.

Comece a pensar em inglês

Sabe quando você está conversando com você mesmo na sua mente? Então, é disso que estou falando!

No lugar de ter seus pensamentos em português, que tal começar a falar com você mesmo em inglês?

Eu sei que no começo pode ser meio estranho, mas não tenho dúvidas que você irá ter ótimos benefícios se conseguir implementar isso na sua vida.

Afinal de contas, essa é uma das formas de ter contato diário, na verdade, contato o tempo todo, com o inglês.

Então, não tem como isso não te ajudar!

Bom, essas eram as dicas que eu tinha para compartilhar com você! O que achou?

Se tiver mais alguma dica que queira compartilhar comigo, é só comentar aqui no post do blog. Tenho certeza que os outros leitores aqui do blog também vão adorar saber das suas dicas…

E se gostou do post de hoje, não se esqueça de compartilhar com os seus amigos nas redes sociais e afins!

Vamos espalhar a ideia de que aprender inglês pode ser muito mais fácil do que as pessoas imaginam!

Então por hoje é isso! Obrigado e até mais…

Bye! See you…