3 dicas para identificar o tempo verbal em inglês

Olá, hello!

How are you today? Como você está hoje?

Eu estou muito bem, obrigado, e estou aqui hoje para falar de um assunto que muita gente tem dificuldades para aprender. Sabe aquele assunto que você estuda, estuda e estuda, mas não consegue praticar?

Então… eu sei que os tempos verbais no inglês são muito difíceis para algumas pessoas e é isso que acaba acontecendo. Elas estudam, estudam, estudam, e não conseguem praticar.

Bom, a primeira coisa que tenho para falar é que talvez esteja exatamente aí o erro. Estudar, estudar, estudar e não praticar.

Acredito que talvez tenham sido as escolas de inglês tradicionais, que queria te prender por anos dentro de uma sala de aula estudando inglês e pagando a mensalidade da escola, e fizeram com que os brasileiros acreditassem que esse seria o melhor método para aprender inglês.

Mas, os milhares de alunos que já passaram pelo meu curso, sabem bem que não é bem essa a melhor forma. Aprender inglês não é algo que se aprende trancado em uma sala de aula. Aprender inglês é aprender algo vivo, que está no dia a dia das pessoas, ou seja, que merece ser realmente vivido.

Não estou dizendo que estudar não é importante, que aprender gramática não é importante, até porque é esse o tema do post de hoje, só estou te dizendo que não é só estudando que você vai ser fluente em inglês. Precisa focar na prática também. E precisa praticar todos os dias, não apenas quando já for muito fluente no idioma.

E com os tempos verbais isso não é diferente, é preciso praticar também. Então, pensando nessa dificuldade que as pessoas tem em aprender os tempos verbais em inglês, eu resolvi fazer o post de hoje.

Antes disso, se você quiser dar uma estudada melhor nos tempos verbais, dá uma olhada desses posts que eu já fiz e publiquei aqui no blog:

Então, agora que você já está por dentro dos tempos verbais em inglês, que tal dar uma olhada nas dicas que eu tenho para te dar que te farão entender de uma vez como usar cada um dos tempos verbais?

Vamos lá…

Como identificar o tempo verbal em inglês?

Essa é uma das difíceis missão de quem ensina inglês, afinal de contas, as pessoas têm uma dificuldade bem grande para aprender a diferença entre os tempos verbais em inglês.

Mas, para mim isso não é uma missão tão difícil assim, afinal de contas, foram milhares de alunos que já passaram pelas minhas mãos e aprenderam como falar inglês em pouco tempo. Portanto, chegou a hora de dividir com você algumas das minhas dicas…

Esqueça a tradução

Principalmente quando as pessoas estão aprendendo inglês, no início desse aprendizado, é comum elas quererem sempre traduzir uma frase que viram em inglês para poder entender o seu contexto.

Não está errado fazer isso, porém, ao longo da sua curva de aprendizado, ou seja, quanto mais você souber e continuar fazendo tradução, pior. Afinal de contas, português e inglês não são a mesma língua, e por não serem a mesma língua, possuem regras gramaticais, vocabulários e afins diferentes.

Nem sempre você vai encontrar uma tradução literal para tudo que quer dizer em inglês, ou até mesmo em português. Por isso, é muito importante que você desligue a chave da tradução e comece a compreender o que estão falando, o que está escrito e etc. Esquecendo, assim, a tradução exata de cada palavra.

E, relacionado aos tempos verbais, eles também tem regras diferentes no inglês e no português, por isso, não tente encontrar uma tradução para os tempos verbais. Simplesmente entenda quais são os contextos, os momentos em que eles são usados.

Relacione os advérbios usados para cada tempo verbal

Mas, se você for daquelas pessoas que precisam de um macete para entender qual tempo verbal deve usar em cada situação, eu também tenho um macete para compartilhar com você.

Quando você fala yesterday já sabe que estão falando de ontem, ou seja, no passado. Já quando falam tomorrow, você sabe que é amanhã, ou seja, futuro.

Então, é esse tipo de relação que deve saber para, através do advérbio, saber qual é o tempo verbal daquela frase.

Pratique! 

Sim, a prática é a chave para memorizar todas as regras gramaticais, então, para falar sobre os tempos verbais não seria diferente.

Quanto mais você praticar, melhor irá memorizar cada um deles e consequentemente não terá mais dificuldades para entender qual é qual, em que momento usar cada um dos tempos e suas regras gramaticais.

Por isso, nunca esqueça de praticar, e muito, o seu inglês, combinado?

Bom, por agora é isso…

Se você quiser saber um pouco mais sobre as dicas que eu dou, que tal se inscrever na minha turma VIP? Lá, eu compartilho vários conteúdos mais aprofundados para te ajudar a aprender ainda mais sobre inglês, e os conteúdos continuam sendo gratuitos.

Mas, além deles, caso seja do seu interesse, eu também tenho outros tipos de curso. Para saber mais, você também pode dar uma olhada nesse post: Kevin: Você Tem Um Curso ou Só Videos no YouTube?.

Nele eu falo um pouco sobre o meu trabalho e como você pode ficar fluente em inglês muito mais rápido do que imagina. Claro que para isso, você terá que se dedicar bastante. Mas, eu estou aqui para te ajudar.

Se você gostou do post de hoje, não esqueça de compartilhar com os seus amigos e sua rede de relacionamento.

E se ficou alguma dúvida, vale também fazer um comentário. Estou no seu aguardo!

Muito obrigado pela companhia e até mais…

Bye, bye! See you around…